Uma loja do centro de Lajeado foi palco de um fato inusitado nesta semana e o caso foi registrado na delegacia de Polícia Civil. Conforme a ocorrência, duas mulheres entraram na loja para experimentar biquínis. Quando elas saíram, a vítima percebeu que uma das moças saiu utilizando a calcinha de um dos biquínis, sem que tivesse sido devidamente adquirida. Ela notou a ausência da peça mais de 30 minutos depois, mas teve a sorte de avistar as suspeitas passando em frente ao estabelecimento.

Ao abordá-las, questionou sobre o furto, obtendo inicialmente negativas. No entanto, pouco tempo depois, as jovens retornaram, pediram desculpas e devolveram a calcinha furtada. A vítima constatou que a suspeita já estava usando a peça por mais de uma hora. Diante da situação, a proprietária informou à jovem que a peça estava usada e, portanto, não poderia mais ser vendida e exigiu que a suspeita pagasse pelo produto.

Diante da recusa em efetuar o pagamento, a vítima decidiu registrar a ocorrência policial, anexando imagens e vídeos do furto como prova.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Whats da Rádio Ole
Enviar mensagem