O presidente Lula (PT) sancionou com vetos a lei que determina o retorno do seguro obrigatório pago por proprietários de veículos automotores, conhecido como Novo DPVAT. A medida foi publicada na edição do Diário Oficial da União desta sexta-feira (17).

O texto foi aprovado pelo Senado no início deste mês. Segundo a lei, o SPVAT (Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidentes de Trânsito) será cobrado anualmente de proprietários de carros, motos e outros veículos.

O seguro cobrirá indenizações por morte e por invalidez permanente, total ou parcial, além de reembolso de despesas com assistência médica, serviços funerários e reabilitação profissional de vítimas. Lula vetou dois artigos da lei que previam penalidade de infração grave e multa para os motoristas que não pagarem o seguro no prazo previsto.

O valor que será cobrado anualmente para o SPVAT ainda não foi definido. No entanto, de acordo com o líder do governo no Senado, Jaques Wagner (PT-BA), a equipe econômica prevê uma tarifa de R$ 50 a R$ 60.

O pagamento do DPVAT foi extinto pelo ex-presidente da República Jair Bolsonaro em 2020.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Whats da Rádio Ole
Enviar mensagem